jump to navigation

O que realmente me assusta nesta sexta-feira 13 13/04/07

Posted by Calsavara in Candidatos, Comportamento, Cotidiano, Eleições, Política.
trackback

Escrevi uma carta a todos os deputados federais. O texto segue abaixo. Alguns dados foram omitidos por não serem relevantes aqui.

**************

Olá, nobres legisladores e legisladoras.

Como cidadão não posso me furtar a comentar sobre a intenção de aumento dos vencimentos dos membros dessa casa. O reajuste proposto é o da inflação, e se aplicado fará o salário dos excelentíssimos edis atingirem a marca de mais de R$16 mil.

Uma simples pergunta: quando foi a última vez que o salário mínimo recebeu um reajuste como esse, de mais de 25%?

O atual salário mínimo brasileiro é de R$350. Segundo o DIEESE, um assalariado precisa trabalhar 114 horas e 30 minutos para poder comprar a cesta básica. Isso dá cerca de 15 dias de trabalho (supondo que um trabalhador médio trabalhe 5 dias na semana). Fazendo umas contas básicas, é possível perceber que que um assalariado recebe cerca de R$1,60 / hora trabalhada. Os R$182,15 dispendidos na compra da cesta básica representam cerca de 52% do orçamento. Ou seja, um trabalhador assalariado, segundo os dados do DIEESE, gasta mais da metade do seu mês trabalhando apenas para comprar a cesta básica (que os nobres deputados sabem que não contempla mais as necessidades básicas do cidadão).

Os nobres colegas têm uma escala de trabalho mais, digamos, flexível. Seguindo a mesma linha de raciocínio, um deputado precisaria, para comprar a mesma cesta básica, trabalhar cerca de 3 horas (?!?!). Isso supondo que um deputado siga a mesma escala de horário utilizada na base de cálculo, de 220 horas mensais. É uma ingenuidade de minha parte pensar que os nobres deputados trabalhariam durante 220 horas/mês. Eu trabalho cerca de 240 horas/mês e sei que não é nada fácil.

Eu sei também que é uma comparação pouco prática, mas serve como uma base de análise. Enquanto um trabalhador assalariado precisa trabalhar cerca de 114 horas pra comprar uma cesta básica, com o aumento proposto pelos nobres deputados vocês precisariam trabalhar apenas 3 horas!!!

Me mostrem, por favor, a necessidade desse aumento. Para que haja uma maior transparência, vou detalhar meus ganhos para que vocês se sintam à vontade para detalhar os de vocês.

Eu tenho dois empregos. Em um deles, recebo um salário de R$censurado. No outro, a remuneração é de R$censurado. E só, sem direito a vale-refeição, vale-transporte ou qualquer outro benefício. Minha remuneração anual, desprezando eventuais descontos, gira em torno de R$censurado.

Se sintam à vontade para fazerem agora a sua contraparte. Por favor, me detalhem quanto os nobres deputados recebem durante o perído de um ano, contando os salários, ajudas de custo (terno, passagens, moradia, combustível, verba de gabinete, etc.), convocações extraordinárias, jetons e tudo o mais que compôe a tabela de vencimentos.

Em plena sexta-feira 13 é isso que me assusta. Não tenho medo de gatos pretos, de bruxarias, de maldições, de maus agouros. Tenho medo disso, de viver num país onde há essa discrepância. Resumindo, o que eu ganho em um ano de trabalho, os nobres colegas recebem em menos de dois meses!!!

Aguardando breve e sincera resposta, subscrevo-me.

Atenciosamente,

Fábio Calsavara
  Londrina-PR

****************

Foi registrado um protocolo. Vamos ver qual será a resposta de cada um deles.

Anúncios

Comentários»

1. Enquanto isso, em Brasília... « Blog do Calsa 2.0 - 17/04/07

[…] da carta que eu mandei aos digníssimos representantes do povo na capital do país? Pois é, até agora […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: